sexta-feira, 30 de abril de 2010


ALMA P`RA FORA
Guida Linhares

Meu Deus que coisa boa...
De repente descobri que nasci
com a alma p`ra fora!!!
Foi preciso que alguém dissesse
que os poetas são assim...
um pé no chão, outro no céu
e as cores que eles vêem
tingem as palavras dos poemas
que vão circulando aqui e acolá
como um arcoíris poderoso,
que transforma a tempestade
em gotículas mágicas
de rimas e estrofes
refrescando corações angustiados...

Meu Deus que coisa boa...
De repente descobri que nasci
com a alma p`ra fora!!!

Foi preciso muito chão,
muita lágrima e tristeza
Foi preciso o sofrimento e a perda,
e até mesmo a sofrida separação.
Então peguei da pena e escrevi...
para afastar a dor e a saudade..
e os rabiscos alçaram vôo
e alcançaram corações,
também sofridos mas esperançosos,
de que o sol nasça todos os dias,
trazendo serenidade e alegria.

Meu Deus que coisa boa...
De repente descobri que nasci
com a alma p`ra fora!!!

Então quando saio a andarilhar,
os olhos marejam quando vejo,
o topo das árvores florido,
o céu azulzinho com nuvens bailarinas,
as conchinhas perdidas na areia,
buscando o abraço do mar.
E nestes momentos olho o horizonte
e vejo Deus sorrindo como a me dizer
que só quem tem a alma pra fora,
tem olhos de ver a beleza que se mostra
na exuberante aquarela da vida.

Meu Deus que coisa boa...
De repente descobri que nasci
com a alma p`ra fora!!!


3 comentários:

Amor feito Poesia disse...

Olá!!!!!!!

A felicidade aparece para aqueles que choram.
Para aqueles que se machucam.
Para aqueles que buscam e tentam sempre.

Clarice Lispector

Te desejo um BOM FDS e muita poesia. M@ria

Dill' disse...

Fazia tempo que não passava por aqui.
Ah, Guida... só mesmo quem nasce com a alma p'ra fora, consegue enxergar "além do que a vista permite".
Deixo aqui uma rosa com muito amor e carinho.

Beeijos ♥

Sonhadora disse...

Minha querida
Muito lindo o seu poema...adorei.

beijinhos
Sonhadora