terça-feira, 20 de julho de 2010


CANÇÕES DE AMOR
Guida Linhares

Cantam os pássaros em louvor à natureza.

A cotovia desabafa com seus tristes pios.
O rouxinol extasia em seu trinado beleza,
e o sabiá canta com a força dos brios.

Canções de roda atraem as crianças
e até os anciãos lembram suas modinhas.
As canções de ninar das mães são bonanças
e os jovens cantam juntos em rodinhas.

Mas há uma canção toda especial!

Aquela que brota do mais puro Amor,
no coração que palpita pleno de encanto.

Pare e escute! Ela te cobrirá com um manto

de estrelas cadentes em seu resplendor.
Amorosa sintonia se desvelará. Não há nada igual!

Santos/SP/Brasil
16/04/09


3 comentários:

Sonhadora disse...

Minha querida
Um belo poema muito terno, adorei.

beijinhos com carinho
Sonhadora

Amor feito Poesia disse...

O amigo é a resposta aos teus desejos. Mas não o procures para matar o tempo! Procura-o sempre para as horas vivas. Porque ele deve preencher a tua necessidade, mas não o teu vazio.

Khalil Gibran


FELIZ DIA DO AMIGO...BEIJOS NA ALMA! M@RIA

Marleninh@ Castilho disse...

QUE CANTINHO DE PAZ .....................AI POETISA COMO APRENDO COM VOCÊ ! BJS ETERNOS ...